Como contabilizar os eventos nas associações de proteção veicular?

5 de agosto de 2020 Contabilidade para Associações de Proteção Veicular
Compartilhe

Como contabilizar os eventos nas associações de proteção veicular?

Você sabe o que é Proteção Veicular? Todos nós já ouvimos falar sobre os “seguros de cooperativa” ou “associações de seguro”, mas com esses nomes, surgem também muitas dúvidas: Esse tipo de organização é legal? É realmente sério ou barco furado? Vou ser bem atendido quando precisar? E, o mais importante, como contabilizar os eventos nas associações de proteção veicular?

Muitas questões, não é mesmo? Mas, não entre em pânico! Hoje, separamos nosso espaço para que você possa tirar essas dúvidas de seu coração. Por isso, separe nossos rotineiros minutos e relaxe! Vamos conversar.

Atualmente, a grande maioria das pessoas possui automóveis e outros veículos para se locomoverem, uma vez que nos grandes centros urbanos trabalhamos nas regiões centrais, aos finais de semana passeamos, e nas pequenas cidades todos também possuem veículos…

Proteção ao veículo se tornou uma boa alternativa

A grande maioria da população tem um veículo próprio. E para todas essas pessoas, temos uma solução para proteger seu bem: Proteção ao veículo contra roubo, furtos, colisões, entre outros eventos inesperados. E tudo isso a um preço acessível, o que é ainda melhor.

Dentro das opções disponíveis, uma que vem se destacando ano após ano e ganhando força, credibilidade e visibilidade é a Proteção Veicular feita por associações. Através desta modalidade, mais acessível e bem menos burocrática que os seguros tradicionais, é possível proteger seu patrimônio com tranquilidade e sem as inúmeras burocracias e restrições que as seguradoras impõem a seus clientes.

Para os optantes enquanto associados, muitos benefícios estão embutidos na escolha de adotar uma proteção veicular em uma associação. Mas, como fica isso para quem abriu essa modalidade de negócio?

Como contabilizar os eventos nas associações de proteção veicular?

Bom… Em primeira instância, caso esse seja o seu caso, é importante que você saiba que ter informações claras e precisas à contabilidade é de suma importância para o seu processo de gestão. A transparência e qualidade da contabilidade das associações são quesitos indispensáveis para a prestação de contas.

Partindo desse pressuposto, vale ressaltar que este mercado de associação de proteção veicular é novo e muito se tem a discutir a forma de contabilizar algumas contas especificas. Além disso, é importante destacar que toda organização precisa de informações confiáveis para tomadas de decisões, através da contabilidade os associados terão a possibilidade de realizar a sua própria avaliação quanto à situação econômica da entidade, e traçar novas metas, a fim, de alcançar o sucesso para todos os envolvidos.

As inúmeras obrigações acessórias são indispensáveis para a proteção dos associados, e principalmente em relação a eventuais sanções tributárias do descumprimento de deveres instrumentais.

É possível observar a importância de uma contabilidade regular para as associações

A não escrituração de suas entradas e saídas, ou seja, das operações econômicas, pode acarretar ao desenquadramento da imunidade ou da isenção tributárias.

Além da escrituração regular, as associações estão obrigadas a elaborar os demonstrativos contábeis, conforme determina a NBC TG 26 – Apresentação das Demonstrações Contábeis:

As demonstrações contábeis exigidas das Entidades sem Finalidade de Lucros definidas pela ITG 2002 são:

a) Balanço Patrimonial: O Balanço Patrimonial representa uma demonstração de diversas naturezas que compõe a riqueza da entidade, por isso é dita estática, e se refere ao estado patrimonial em de terminado momento.

b) Demonstrativos do Resultado do Período: Esta demonstração deve mostrar o resultado da gestão da entidade em dois períodos comparativos, segregando as operações próprias das operações em parcerias.

c) Demonstração das Mutações do Patrimônio Social: Essa demonstração contábil tem o propósito de apresentar as variações ocorridas no patrimônio líquido da Entidade sem Finalidade de Lucros, e a sua posição contábil-financeira ao final do período, tendo como base a movimentação ocorrida nas contas que fazem parte de sua composição.

d) Demonstração dos Fluxos de Caixa: O fluxo de caixa de Entidade sem Finalidade de Lucros pode ser obtido pelo método direto e ou pelo método indireto.

e) Notas Explicativas: As notas explicativas às demonstrações contábeis das Entidades sem Finalidade de Lucros devem divulgar, no mínimo, o conteúdo do item 27 da ITG 2002.

Diante de todo exposto, percebe-se a importância das informações contábeis para o gerenciamento, e aplicação das normas e regras conforme determina a legislação para as associações de proteção veicular.

É indispensável para proceder com os registros e as informações contábeis, fiscais e trabalhistas

As quais o não cumprimento acarretará em multas, paralisação das atividades e até crime de lavagem de capitais, trazendo assim desconfortos tanto para os associados quanto para os diretores.

Um último ponto importante a ser destacado aqui

Para que você tenha total ciência de tudo envolvido na contabilidade para associações de proteção veicular, é que tendo em vista que os valores recebidos dos associados são a título de mensalidade e têm como foco para custear os eventos e sinistros que vierem a ocorrer com seus veículos, o ideal para a contabilização da associação é, usualmente, a constituição de fundos nas contas patrimoniais adotando o critério de Contabilização Segregada Receitas Vinculadas (Restritas).

Dessa forma todos os recebimentos dos Associados serão registrados em uma conta no Passivo à contrapartida será no Ativo em uma conta que será vinculada ao Fundo constituído no Passivo. Na medida que forem ocorrendo os sinistros o Fundo será baixado, com os devidos lançamentos, vale ressaltar que os valores baixados deverão ser registrados nas contas de resultados (receita e despesa) simultaneamente.

Levando em consideração as despesas administrativas da Associação, o ideal seria a definição de uma Taxa de Administração, dessa forma seria definido um percentual para ser aplicado no montante recebido mensalmente dos associados, sendo reconhecido como Receita de Administração para custear as Despesas Administrativas.

Salientamos, inclusive, que, para utilização do critério exposto acima, é necessária a Aprovação dos Associados registrado em Ata e se possível no Estatuto evitando assim futuros questionamentos.

Tranquilo de entender?

Esperamos ter elucidado todas as suas possíveis questões, mas, caso ainda exista alguma dúvida, entre em contato!

Até a próxima!

Saiba mais!

As particularidades da contabilidade das Associações

Como escolher uma contabilidade para Associação de Proteção Veicular?

Como abrir uma associação de proteção veicular

Ainda não possui um contador para chamar de seu? Tudo bem! Que tal entrar em contato com a gente? A Equipe Previsa terá um imenso prazer em receber você e sua associação. Ficamos te esperando!

Como trocar de contabilidade passo a passo

Sobre a PREVISA CONTABILIDADE

Criada há mais de 40 anos, a PREVISA CONTABILIDADE tem como objetivo assessorar os clientes em todas as áreas de seu negócio. Para tanto, a empresa atende segmentos específicos de mercado, além de negócios de diferentes tamanhos. Uma das características da Previsa é seu atendimento com excelência.

 

Fale com a Previsa

Entre em contato já! Podemos ajudar você hoje!

Solicite uma consultoria e descubra o caminho mais seguro, econômico e rápido para o que você precisa no momento:

www.previsa.com.br   +  31 3244-3100  Whatsapp: + 31 99954-05

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *