Contabilidade para Locadora de Equipamentos

6 de janeiro de 2020 Contabilidade para Locadora de Equipamentos
Compartilhe

Contabilidade para Locadora de Equipamentos

Ter uma locadora de equipamentos faz com que você tenha muitos procedimentos burocráticos para resolver. Então ter uma contabilidade para locadora de equipamentos especializada em assessoria, faz com que você consiga resolver processos burocráticos de forma prática.

Então é isto, um resumo do que vamos conversar hoje: CONTABILIDADE PARA LOCADORAS DE EQUIPAMENTOS – Nível Básico.

A ideia é conseguir ajudar um pouco a expandir seus conhecimentos para agregar uma melhor saúde financeira à sua locadora. Interessando? Então, separe uns minutos de sua agenda de hoje e relaxe… Vamos conversar!

Um setor em franco crescimento

Qualquer empreendedor, com o passar do tempo de vida de sua empresa, sabe que ter um negócio vai além de simplesmente vender, negociar e disponibilizar um serviço ou produto. Muitos processos burocráticos devem ser feitos para que o funcionamento de seu empreendimento seja legalizado.

Um estabelecimento que aluga equipamentos vai além de simplesmente ter maquinário exposto para que o cliente vá, olhe e alugue. Deve ser analisado e estudado como os procedimentos de locação, valores são definidos para que o negócio seja lucrativo.

Uma coisa muito bacana que podemos te dizer é: seu setor está em franco crescimento. Houve um processo crítico de mudança de governo e, com isso, uma acirrada movimentação internacional para driblar o baixo crescimento da economia. A verdade é que esses fatores tornaram o ambiente do mercado com fortes esperanças para os empresários que possuem, como você, uma locadora de equipamentos.

Integração entre as operações contábeis e a gestão é diferencial estratégico

Para comprovar essa esperança com dados, um estudo da Technavio, empresa americana de pesquisas de mercado, aponta que o setor de locação de equipamentos deve movimentar um “simbólico” valor que gira em torno de US $ 49,57 bilhões, até 2021, em todo o mundo.

Para que as boas notícias se concretizem e, também, para acompanhar essa tendência global de crescimento, no entanto, você precisará manter em dia suas lições de casa. Dentre elas está, segundo alguns especialistas, a integração entre as operações contábeis e a gestão.

Cabe ressaltar que, aqui, JAMAIS seria o nosso foco dizer que você deve arcar com todas essas tarefas sozinho. Não, não, não! O ideal é SEMPRE ter um profissional da contabilidade assessorando seus passos e lhe ajudando com a tomada de decisões. Nosso foco, aqui, é apenas trabalhar em sua mente algumas dicas básicas de contabilidade para que sua locadora de equipamentos entre em 2020 com chave de ouro.

  1. Análise

O último ano gerou resultados para sua locadora de equipamentos, certo?! Pensando nisso, nossa primeira dica é: analise os resultados do ano anterior e projete o ano seguinte!

Sua locadora atingiu os objetivos nesse último ano? Você consegue mensurar facilmente os resultados para saber se o planejado foi obtido?

Esse exercício é fundamental, uma vez que é preciso projetar as operações para que tudo esteja voltado para o crescimento do seu negócio neste ano corrente.

  1. Integração

Encontre maneiras de fazer com que o fluxo de atividades realizadas diariamente pelos diversos departamentos seja fluido e produtivo, sem erros e retrabalhos – o que já dá algum trabalho. O que isso tem de relação com a parte contábil de sua locadora? Simples: processos financeiros, fiscais e contábeis, sobretudo, merecem uma atenção especial, visto que eles estão intimamente ligados aos objetivos do seu negócio e, se não tratados corretamente, podem permitir gargalos que só são percebidos quando se transformam em prejuízos financeiros.

  1. Gestão

Com o passar dos tempos, as empresas (de uma forma geral), gradativamente ficaram mais cientes de que é sempre necessário tomar decisões estratégicas de negócio a partir de informações sempre disponíveis, confiáveis e íntegras. A dinamicidade do mercado vai exigir essa inteligência. Sendo assim, nossa terceira dica é: encontre um bom ERP especialista em locadora de máquinas e equipamentos para, entre outras questões:

  • detectar com rapidez quais contratos são mais lucrativos;
  • saber rapidamente quais equipamentos têm custos de manutenção são maiores/menores;
  • responder com facilidade quais clientes e/ou segmentos têm maior ticket médio ou são mais rentáveis;
  • obter demonstrativos contábeis em conformidade com as Instituições Financeiras;
  • prever a capacidade de investimentos e financiamentos etc.
  1. Atenção à depreciação do Ativo

Falando de uma forma um pouco mais técnica, você precisará dar um pouquinho de atenção especial a esse ponto: depreciação do Ativo Imobilizado.

O Ativo Imobilizado da sua empresa diz respeito a tudo aquilo que é necessário para a operação da mesma, sendo que deve ser um bem que possa ser utilizado por um ano ou mais.

Pois bem, pensando nisso, em teoria, tudo se desvaloriza com o tempo e, perante a lei, as locadoras precisam registrar a desvalorização de seus bens pelo desgaste ou perda de utilidade por uso, ação da natureza ou obsolescência. E é importante que a depreciação seja bem executada, pois ao final das contas, será um valor restituído no Imposto de Renda.

Nesse ponto, o ideal é ter a ajuda de um profissional contábil, ok?!

  1. Tributação

A alta carga tributária aplicada no nosso país acaba fazendo com que muitas empresas acabem se preocupando com o recolhimento de impostos de forma exagerada. Porém, é importante ter em mente que ter uma certa desatenção com seus impostos pode ter um impacto negativo na lucratividade de sua locadora.

Para que isso não ocorra, você deve adotar a prática do planejamento tributário.

A ideia, aqui, é que tal planejamento se faz como um conceito que abre a permissão para o controle das obrigações acessórias, reduzindo o risco fiscal. Em verdade vos digo que, empresas que não praticam tal planejamento acabam pagando mais tributos por não se apoiar corretamente no sistema tributário e à legislação.

Pagando mais tributos, a consequência é um lucro cada vez menor.

Ou seja, com a governança tributária, locadoras de equipamentos como a sua agirão dentro da lei, além de poderem reduzir consideravelmente os gastos indevidos.

  1. Contrate uma Contabilidade Especializada

Não é segredo algum que a contabilidade especializada em locadoras equipamentos, ou aluguel de equipamentos, é essencial para melhorar os seus resultados. Todas as questões destacadas acima, mesmo sendo básicas, são detalhes que nunca passarão despercebidos pelos olhos cautelosos de um contador especializado.

Ser acompanhado por profissionais de contabilidade que têm o know-how do segmento e que estão sempre atualizados com as normas e leis, possibilita que você, empresário, possa agir mais em prol do seu negócio.

E aí? Preparado para sua contabilidade?!

Saiba mais:

Locadora de Equipamentos: o que fazer para não quebrar

Precisa de ajuda para realizar seu sonho?

Ainda não possui um contador para chamar de seu? Tudo bem! Que tal entrar em contato com a gente? A Equipe Previsa terá um imenso prazer em receber você e sua associação. Ficamos te esperando!

Como trocar de contabilidade passo a passo

Sobre a PREVISA CONTABILIDADE

Criada há mais de 43 anos, a PREVISA CONTABILIDADE tem como objetivo assessorar os clientes em todas as áreas de seu negócio. Para tanto, a empresa atende segmentos específicos de mercado, além de negócios de diferentes tamanhos. Uma das características da Previsa é seu atendimento com excelência.

Fale com a Previsa

Entre em contato já! Podemos ajudar você hoje!

Solicite uma consultoria e descubra o caminho mais seguro, econômico e rápido para o que você precisa no momento:

www.previsa.com.br   +  31 3244-3100  WhatsApp: + 31 97196 0369

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *