Modelo de Balanço Patrimonial: conheça o aliado para monitorar o sucesso da sua empresa

15 de julho de 2022 Modelo de Balanço Patrimonial
Compartilhe

Você sabia que o balanço é uma representação visual do patrimônio da empresa? Se você é gestor e quer estar sempre de olho no crescimento da sua empresa, ter um bom modelo de Balanço Patrimonial pode ser muito útil. Isso porque o Balanço Patrimonial é uma ferramenta e tanto na hora de entender o momento da sua empresa para planejar o futuro. Tenha você um setor de Contabilidade ou terceirize esse serviço, periodicamente você recebe esse relatório em mãos. E, fica um adendo: se você deseja terceirizar esse serviço, na Previsa nós fazemos um balanço de alta qualidade e ainda te ajudamos a entendê-lo!

Este relatório é formado por ativos, passivos bem como pelo patrimônio líquido. Para te ajudar a entender melhor o balanço empresarial, elaboramos este artigo com um modelo que pode te ajudar muito nesse processo, e também explicações sobre todos os itens para que você possa fazer uma leitura certeira dele. Aproveite para conhecer melhor e usar esses dados na sua gestão financeira e traçar indicadores de performance.

Para que serve um Modelo de Balanço Patrimonial

Antes de usar um Modelo de Balanço Patrimonial, é importante entender a finalidade dele. Ele é uma das ferramentas mais importantes que um gestor pode ter à sua disposição. Além de oferecer uma representação gráfica sobre a situação financeira e patrimonial da empresa, ele permite ao gestor perceber pontos frágeis e fortes.

Com estas informações em mãos, é possível fazer um planejamento estratégico de forma a fortalecer os pontos frágeis. Da mesma forma, ao conhecer os pontos fortes da empresa, é possível investir nestes.

Para montar a planilha do Balanço Patrimonial é necessário ter uma série de dados em mãos. São eles:

  • Valores em caixa em dinheiro (em caixa físico, banco ou outro);
  • Valor total do estoque – o principal ativo;
  •  Vendas e duplicatas a receber;
  •  Impostos a recuperar;
  • Patrimônio: veículos, imóveis, terrenos, maquinários e outros bens físicos no nome da empresa;
  • Despesas futuras;
  • Financiamentos e empréstimos;
  • Salários, despesas com aluguel, contribuições sociais;
  • Acordos comerciais, fundos de investimentos e de recebíveis, despesas antecipadas.

O Modelo de Balanço Patrimonial

O Balanço Patrimonial é formado por três itens pré-determinados: os ativos, os passivos e o patrimônio líquido. Este modelo está aqui apenas a título de curiosidade, para que você entenda todos os itens e seja capaz de interpretá-lo. Contudo, fazê-lo não é função do gestor, mas da Contabilidade. Vamos entender cada um deles:

  • Ativos – Nesta seção constam os bens, direitos e também aplicações financeiras controladas pela empresa que ocorreram no período determinado.
  • Passivos – Aqui vemos as origens dos recursos e as obrigações financeiras que a empresa gerou no período e que necessitarão de ativos para serem liquidados.
  • Patrimônio Líquido – Nesta seção constam todos os recursos da empresa. O valor do Patrimônio Líquido é a diferença positiva entre Ativos e Passivos.

A estrutura do Balanço Patrimonial é dividida em duas colunas:

  • Na coluna da esquerda fica o Ativo;
  • Na coluna da direita fica o Passivo e, abaixo dele, o Patrimônio Líquido.

As contas são divididas de acordo com estas sessões. Em cada sessão há um grupo de contas que formam o valor final.

  • Contas do Ativo – Ativo circulante (disponibilidade, estoque, créditos), despesas de exercício seguinte, não-circulante realizável a longo prazo (investimentos, imobilizado, intangível) e diferido.
  • Contas do Passivo – Passivo circulante (obrigações de curto prazo), não-circulante obrigações a longo prazo, Patrimônio Líquido (capital e reservas) e ajustes de avaliação patrimonial.

Como você pode ver, cada item possui diversos sub-itens. Fazer o lançamento e a análise desses dados financeiros de forma precisa e assertiva não é para qualquer pessoa. Afinal de contas é preciso um olho treinado, experiência e muita organização.

E essa eficiência é extremamente importante, pois é através dos resultados do Balanço Patrimonial que a gestão é capaz de fazer uma análise minuciosa do desempenho da empresa, e seu fluxo de caixa. Estes dados permitem a todos fazer o acompanhamento da evolução do negócio e sua lucratividade – ou falta dela. Por isso, investir em um bom profissional é extremamente importante nesse processo.

Resumo

Como você pôde ver, nosso Modelo de Balanço Patrimonial pode te ajudar a entender o relatório de forma mais eficiente e assertiva. E é muito importante que você sempre delegue essa tarefa a um contador experiente, com olhar cuidadoso e muito organizado. Afinal de contas, é este documento que te ajudará a tomar decisões importantes sobre o futuro da sua empresa. Se precisar, terceirize essa função e tenha a garantia de um ótimo resultado, pois aqui na Previsa geramos relatórios com eficiência e excelência e,explicamos a você todos os dados ali contidos. Tudo para você ter total clareza do seu negócio!

Relembrando os pontos que abordamos neste artigo:

  1. Para que serve um Modelo de Balanço Patrimonial
  2. O Modelo de Balanço Patrimonial

Conte com um time de especialistas

Na Previsa, nosso time está sempre atento para buscar as melhores experiências e fornecer um atendimento personalizado desde o primeiro contato. Nossos profissionais, além de ampla experiência em relacionamento, são proativos, objetivos e estão altamente preparados para atender e encantar.

Fale com um de nossos consultores e descubra como também podemos ajudar a sua empresa a crescer!

 

Banner Geral Orçamento
Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *