Conheça o Programa Norte Conectado

11 de maio de 2021Programa norte conectado

O acesso à internet no Brasil tem evoluído nos últimos anos. Ainda figurando no ranking das conexões com menor qualidade do mundo, o país está vivenciando um avanço em termos de acesso e velocidade. Banda larga via fibra óptica está se popularizando e a tecnologia 5G está próxima de se tornar realidade. Entretanto, essa evolução não abrange todo o país, e aí vem a importância do Programa Norte Conectado.

Algumas regiões, como a Norte, sofrem com a defasagem tanto na tecnologia que é disponibilizada, que afeta diretamente a qualidade dos serviços, quanto na inclusão digital, que deixa parte da população à margem do desenvolvimento. A falta de investimento prejudica diversos setores, sobretudo os relacionados a políticas públicas de educação, saúde, pesquisa e defesa.

Para corrigir a desigualdade entre a região Norte e o restante do país, o Governo Federal, em parceria com os Ministérios das Comunicações e da Educação, criou o Norte Conectado. O Programa, que está sendo conduzido pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), fomenta a inclusão digital por meio da ampliação do acesso à internet e incentivo para o desenvolvimento do setor na região.

Região Norte

Com mais de 18 milhões de habitantes, o norte é a maior região brasileira em termos de extensão, ocupando 42,27% de todo o território brasileiro. Formada pelos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins, a região Norte abriga as maiores riquezas naturais do Brasil: a Floresta Amazônica, com sua ampla diversidade de fauna e flora, e a maior bacia hidrográfica do mundo, formada pelo Rio Amazonas e seus afluentes.

As principais atividades econômicas da região são o extrativismo mineral e vegetal, e a agropecuária. Em terceiro lugar está a indústria, impulsionada pela Zona Franca de Manaus (ZFM).

Segundo o Decreto de Lei nº 288, de 1967, a ZFM é “uma área de livre comércio de importação e exportação e de incentivos fiscais especiais estabelecida com a finalidade de criar no interior da Amazônia um centro industrial, comercial e agropecuário dotado de condições econômicas que permitam seu desenvolvimento”. Atualmente, a Zona Franca é composta por cerca de 600 fábricas, responsáveis pela geração de grande parte de emprego e renda do território.

Norte desconectado

Se por um lado a natureza é abundante, por outro, existe uma escassez de investimento nas áreas de telecomunicação. De acordo com levantamento realizado em 2020 pela Anatel, como parte do Plano Estrutural de Redes de Telecomunicações (PERT), a região Norte é a localidade que possui maior demanda por incentivo no setor tecnológico do país.

Segundo informações do PERT, a densidade do Serviço de Comunicação Multimídia (SCM) é a menor do Brasil. De todos os domicílios existentes na região Norte, somente 23,5% deles tem acesso à internet. Destes, apenas 19% é feita via cabo ou fibra.

Para efeito de comparação, no Sudeste, composto pelos estados de Minas Gerais, Espirito Santo, São Paulo e Rio de Janeiro, o índice SCM é de 60,4%.

Programa Norte Conectado

Criado em 2018, o Programa Norte Conectado tem o objetivo de viabilizar o acesso da população à internet. O projeto ainda pretende transformar a região em um polo tecnológico por meio da criação de projetos que incentivam o desenvolvimento e investimento no local.

As ações do Norte Conectado estão previstas para começar no segundo semestre de 2021, quando deve ser implantada a Infovia 00, um trecho de fibra óptica de 750 quilômetros de extensão. A intenção é interligar as cidades de Macapá, no Acre, a Almerim, Monte Alegre, Alenquer e Santarém, municípios localizados no Pará.

A instalação da fibra será feita de forma subfluvial. Isso quer dizer que os cabos ficarão submersos no leito dos rios Negro, Solimões, Madeira, Purus, Juruá e Rio Branco. Para tanto, foram realizados estudos para definir a melhor rota dos cabos.

Para enviar o sinal aos municípios mais distantes, as cidades polo definidas pelo Programa servirão como centro de distribuição. Isso fará com que o projeto Norte Conectado amplie sua abrangência e, com isso, beneficie pessoas que dificilmente teriam acesso à internet de outra forma.

De acordo com informações da RNP, o processo de instalação será realizado seguindo as diretrizes do Programa Amazônia Integrada e Sustentável (PAIS). Isso quer dizer que não terá impacto negativo na natureza, já que o material utilizado é específico para esse tipo de cabeamento e não oferece riscos aos animais e à vegetação.

Benefícios do Programa Norte Conectado

Proporcionar a inclusão digital da população já é motivo suficiente para colocar o Programa em prática. Mas o Norte Conectado apresenta outros benefícios, tanto para os cidadãos como para empresas que já estão ou planejam se estabelecer na região.

Pela proximidade com países vizinhos, o Programa também pretende estreitar as relações do Brasil com as demais nações que compõem o chamado Pan-Amazônia, que são Colômbia, Peru, Venezuela, Equador, Bolívia, as Guianas.

Além disso, quando a tecnologia 5G estiver disponível no país, a região Norte será uma das primeiras a receber o sinal.

Outras vantagens da implementação do Programa são:

  • Redução de custos para os setores público e privado;
  • Ampliação do acesso à internet banda larga;
  • Geração de emprego e renda;
  • Disponibilização de serviços do Estado à população, por meio do Serviço de Atendimento ao Cidadão (GESAC);
  • Melhoria da segurança de acesso;
  • Fomento do desenvolvimento social e econômico;
  • Possibilitar acesso a cursos para capacitar os cidadãos;
  • Proporcionar autonomia tecnológica da região Norte.

Números do Programa Norte Conectado

A primeira etapa vai beneficiar cerca de 950 mil pessoas, que passarão a ter conexão banda larga de qualidade. Além disso, escolas, hospitais e tribunais também serão contemplados com o acesso à internet de fibra óptica, melhorando o atendimento à população e a implementação de políticas públicas.

Com investimento de R$ 35 milhões, o Programa é dividido em oito fases. Em 2023, quando o Governo Federal pretende concluir o projeto, a previsão é que a região Norte ganhe 13 mil quilômetros de fibra, atendendo a 77 cidades polo com banda larga de 100Gb.

Quer saber como saber mais sobre Programa Norte Conectado?

Ainda não possui uma contabilidade para provedor de internet? Tudo bem! Que tal entrar em contato com a gente? A Equipe Previsa terá um imenso prazer em receber você e sua associação. Ficamos te esperando!

Como trocar de contabilidade passo a passo

Sobre a PREVISA CONTABILIDADE

Criada há mais de 40 anos, a PREVISA CONTABILIDADE tem como objetivo assessorar os clientes em todas as áreas de seu negócio. Para tanto, a empresa atende segmentos específicos de mercado, além de negócios de diferentes tamanhos. Uma das características da Previsa é seu atendimento com excelência de contabilidade para empresas de tecnologia.

 

Fale com a Previsa

Entre em contato já! Podemos ajudar você hoje!

Solicite uma consultoria e descubra o caminho mais seguro, econômico e rápido para o que você precisa no momento:

www.previsa.com.br   +  31 3244-3100  Whatsapp: + 31 99954-0537

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *