Os maiores problemas em Contabilidade para empresa de Tecnologia

3 de fevereiro de 2020 Problemas contabilidade para empresa de tecnologia
Compartilhe

Os maiores problemas em Contabilidade para empresa de Tecnologia

Você, como empresário do ramo de tecnologia, está com dificuldades em entender sobre os impostos, encargos ou contabilidade para empresa de tecnologia? Então, você veio ao lugar certo.

Hoje, vamos conversar um pouco sobre essa parte que pode dar tanta dor de cabeça aos empreendedores locais. Interessado? Então, como de costume, separe uns minutos de sua agenda e vamos conversar!

O mundo está mudando cada vez mais veloz

Com as mudanças que o mundo passa, mudam, também, os serviços e produtos que oferecemos aos nossos tão amados clientes e consumidores.

A verdade é que essa evolução vem ocorrendo de maneira muito veloz – tanto, que nem a nossa legislação tem acompanhado o ritmo das novas tecnologias, o que acaba criando uma situação bastante nebulosa no mercado, principalmente quando o assunto são os impostos, as taxas e os encargos a serem pagos nesse setor.

No caso de empresas como a sua, de Tecnologia, a atenção deve ser redobrada, no que diz respeito à contabilidade – já que a desorientação frente às tantas peculiaridades do segmento pode colocar em risco a saúde financeira de sua empresa. Exatamente por isso, destinamos esse artigo para esclarecer sobre os principais erros e problemas de contabilidade nas empresas de tecnologia.

1 – Manter incertezas sobre questões tributárias

O mercado de Tecnologia é muito novo – sim, é mesmo -, mas, mesmo sendo um bebê no mercado, está em franca expansão. Isso significa que a tributação também está se adaptando à nova realidade.

Além disso, podem ser levantadas muitas dúvidas, por parte dos empreendedores da área de tecnologia, no que diz respeito a impostos como o ISS e o IRPJ (Imposto de Renda Pessoa Jurídica), além de outros tributos, como o PIS/Pasep, o Cofins e a CSLL, principalmente com relação à alíquotas a serem pagas.

No Brasil temos mais de 90 tributos diferentes, só no Simples Nacional, principal forma de tributação das Startups, são oito diferentes tributos incluídos. Os impostos  são arrecadados de acordo com o regime de tributação adotado pelo negócio. A escolha entre o Simples Nacional, Lucro Presumido e Lucro Real é uma das principais dúvidas fiscais dos empreendedores e empresários.

Uma questão que entra nesse ponto é a legislação super complexa

A dificuldade de definir novos serviços e produtos no setor de tecnologia resulta do tempo para implementação e criação de legislações que contemplem as inovações do mercado brasileiro. Um exemplo claro disso era a falta de regulamentação dos serviços de home office. Essa modalidade de trabalho é praticada há anos por profissionais da área tecnológica, mas só agora, com a Reforma Trabalhista é que a atividade foi normalizada. E isso é, claramente, um grande problema do setor.

Outro problema está nas legislações e tributos específicos para cada uma das três instâncias no país. Ou seja, há leis e impostos nacionais, do estado e do município que recaem sobre as empresas. Enquanto em outros países as normas e a fiscalização seguem apenas as determinações da União, no Brasil, uma empresa é subjugada aos órgãos representativos dos poderes municipais, federais e nacionais.

2 – Não contar com um suporte contábil para empresa de tecnologia especializado

Como você bem sabe, TI vem de um mercado cada vez mais segmentado e complexo. Isso acaba exigindo um serviço cada vez mais especializado na área. É muito importante entender que as empresas de TI, assim como qualquer outro mercado, possuem necessidades e carências muitos específicas, principalmente quando o assunto é a contabilidade da empresa.

Por isso, a contratação de empresas especializadas, que estejam atentas o tempo todo às mudanças na legislação e que já conheçam os detalhes específicos das empresas de tecnologia, pode ser um passo fundamental para evitar desequilíbrio de contas ou até problemas com o fisco.

3 – Não classificar ou enquadrar a empresa no regime tributário apropriadamente

Aqui, no nosso blog, já comentamos mais de uma vez sobre os passos que são relevantes para abrir uma empresa. E esses passos são importantes, inclusive, para empresas do ramo de tecnologia.

Um dos passos é classificar sua empresa e, para isso, definir a CNAE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas), é fundamental. É a partir disso que você vai deixar claro para os órgãos de fiscalização quais as atividades do seu negócio.

Uma contabilidade especializada poderá dar suporte para esse passo, evitando que você, empreendedor, fique perdido. Além disso, é fundamental que a empresa seja enquadrada no regime tributário correto.

Assim, é importante que desde a criação de um produto ou serviço, os empreendedores estejam cientes sobre as obrigações previstas na legislação brasileira, assim como as particularidades do ambiente fiscal para negócios do setor tecnológico.

4 – Amortização de bens imateriais

Uma das principais funções da contabilidade para empresa de tecnologia é realizar análises e demonstrações contábeis a respeito do balanço patrimonial das organizações. No caso das empresas de TI, principalmente nas que atuam na área de software, é preciso dar uma atenção especial para a amortização dos softwares, que impactará diretamente nos itens do ativo. Sem uma análise especializada, fica difícil para a gestão mensurar qualitativa e quantitativamente o resultado desse grupo de contas.

Pensando em tudo que comentamos, é importante que você, enquanto empreendedor de tecnologia, proprietário de uma empresa de TI, acompanhe as mudanças na legislação e realizar um planejamento fiscal e tributário, com revisão anual, que avalie o regime tributário adequado para as empresas e obtenha formas de reduzir a cobrança de impostos (de forma legal).

Uma outra questão importante é que empresários como você devem, sempre, buscar consultorias e contabilidades voltadas para o seu ramo – serviços contábeis e jurídicos focados em empreendimentos de tecnologia.

E aí? Conseguiu ter uma luz dentro desse artigo?

A ideia, agora, é a seguinte: tem um problema contábil ou de impostos em sua empresa e não sabe como resolver? Então, deixe nos comentários para que a gente troque ideias.

Além disso, entre em contato! Temos um time es especialistas que poderão dar suporte à sua empresa com total know how e comprometimento.

Quer saber mais? Leia o artigo:

Empresas de Tecnologia: Gerenciando Riscos e Promovendo o Crescimento

Ainda não possui uma contabilidade que entenda do seu segmento? Tudo bem! Que tal entrar em contato com a gente? A Equipe Previsa terá um imenso prazer em receber você e sua associação. Ficamos te esperando!

Como trocar de contabilidade passo a passo

Sobre a PREVISA CONTABILIDADE

Criada há mais de 40 anos, a PREVISA CONTABILIDADE tem como objetivo assessorar os clientes em todas as áreas de seu negócio. Para tanto, a empresa atende segmentos específicos de mercado, além de negócios de diferentes tamanhos. Uma das características da Previsa é seu atendimento com excelência.

 

Fale com a Previsa

Entre em contato já! Podemos ajudar você hoje!

Solicite uma consultoria e descubra o caminho mais seguro, econômico e rápido para o que você precisa no momento:

www.previsa.com.br   +  31 3244-3100 WhatsApp: +31 97196-0369

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *