BPO FINANCEIRO: terceirização do financeiro ou contratação interna? 

9 de dezembro de 2020 BPO FINANCEIRO: Terceirização ou contratação interna?
Compartilhe

Em março de 2017, empresários de todos os ramos ficaram animados com uma novidade: a ampliação da terceirização de mão de obra. Junto com a notícia surgiram diversas dúvidas e, a principal, é: o que é mais benéfico para minha empresa, investir na terceirização do financeiro ou contratação interna?

No caso da admissão é preciso não só analisar o currículos dos profissionais para identificar conhecimento técnico para desenvolver a atividade, como avaliar o comprometimento com o cargo e a empresa, dedicação, entre outros. Já a segunda opção é prática, mas alvo de desconfiança de alguns empresários, já que os dados sensíveis da empresa estarão nas mãos de pessoas desconhecidas.

Hoje, é possível ter uma empresa em atividade sem precisar contratar um só funcionário. Mas será que isso é vantajoso? Vamos conhecer a lei que permite a terceirização e ampliou os serviços de BPO.

Lei terceirização

Sancionada em 2017, a chamada Lei da Terceirização, registrada sob o número 13.492/17, foi um grande marco na legislação trabalhista ao permitir que empresários contratem mão de obra terceirizada para todos os setores da empresa. Isso inclui as atividades-fim, aquelas que são consideradas essenciais para o funcionamento da empresa.

Desde então, a prática está se tornando cada vez mais comum. E muitas empresas estão aproveitando o momento para expandir os negócios. É o caso da startup Uber, que se tornou uma referência em transporte particular mesmo sem ter frota de carros e motoristas contratados. Também é o caso de uma empresa do setor de Meio Ambiente que contrata biólogo para prestar serviços específicos e pontuais.

Antes da sanção da lei, a prática era permitida somente para as atividades-meio, ou seja, as que não estão diretamente ligadas à atividade da empresa. Como exemplo podemos citar serviços de limpeza e manutenção, segurança, frete, entre outros.

A partir daquela data, as empresas ficaram autorizadas a contratar os profissionais sem vínculo empregatício, seja como autônomo, empreendedor individual ou por prestadora de serviço.

Entretanto, nesse caso, o profissional contratado está isento de subordinação, onerosidade e habitualidade. Caso seja identificada alguma dessas práticas durante a prestação de serviço, o indivíduo será considerado um colaborador – assim como os demais que possuem registro em CLT – e passará a ter direito a todos os benefícios trabalhistas, como férias, 13º, horas extras e mais.

Desde então, empresários têm se perguntado qual é a melhor alternativa, a terceirização do financeiro ou contratação interna. Se você também tem essa dúvida, continue com a gente para saber os prós e contras de cada modalidade.

Contratação de pessoal

O ponto principal de investir nos funcionários dentro da própria empresa é o valor imensurável do capital humano. Com uma equipe alocada, a empresa pode contratar os melhores profissionais do mercado, se beneficiar com compartilhamento de informações e experiência, além da possibilidade de montar um time motivado.

Tudo isso é benéfico para o futuro da empresa, já que facilita não só o alcance de metas como serve de estratégia de marketing, conhecida como Branding, na qual a empresa ganha destaque pelos talentos que contrata.

Outra vantagem é poder identificar possíveis falhas no processo e agir a tempo de reduzir os danos. Com reuniões semanais de alinhamento, os gestores tem a oportunidade de apresentar o fluxo de trabalho e resultados alcançados. Inclusive, se algo não agrada, a comunicação será direta.

O preço de uma equipe

Do outro lado da moeda temos os custos com pessoal. Todo o processo de contratação, manutenção e, eventualmente demissão, onera a empresa. Não é segredo que um dos maiores gastos de um empreendimento é a folha salarial, uma vez que o valor pago pelo trabalho do profissional é somente um parte dos custos. Ainda é preciso calcular taxas e impostos previdenciários aos quais ele tem direito.

No fim do mês, esse valor pode fazer falta no caixa da empresa. Existe a possibilidade de demissão, mas também vai custar muito para a empresa.

BPO – Terceirização do Financeiro

O BPO surgiu como uma alternativa para empresários que não tem disponibilidade para gerir o negócio sozinho ou mesmo para aqueles que preferem descentralizar os serviços. Ao contratar uma contabilidade, o empreendedor passa a contar com uma equipe externa de profissionais pagando somente o valor acordado pelo plano contratado. Ou seja, evita gastos não previstos e pode reduzir a folha salarial optando por um time mais enxuto.

Outro benefício é a certeza de que setores vitais para a empresa – como administrativo, tributário e financeiro – estarão em constante análise pelos especialistas. Isso garante maior transparência com o caixa, controle sobre as variações de mercado, e, com isso, rápida tomada de decisão.

Além disso, o empresário terá mensalmente um relatório completo das atividades da empresa e, se preciso, indicação de estratégia a ser feita. Tudo isso com menos gastos e sem tomar o tempo.

Preservação dos dados

Um dos receios dos empreendedores é quanto aos dados da empresa, que estarão em posse de terceiros. Informações confidenciais, processos administrativos e judiciais, movimentação financeira, todos sendo manipulados por profissionais que, talvez, o empresário nunca conheça.

A preocupação é válida e, por isso, antes de contratar os serviços, é preciso pesquisar sobre a contabilidade. Quem são os clientes, se tem reclamação e processos contra ela, se os profissionais são qualificados, são uma das pesquisas que se deve fazer antes de entregar a administração da empresa.

Tanto a contratação quanto a terceirização apresentam prós e contras. A escolha deve ser feita levando em consideração o perfil da empresa e do empresário, além da disponibilidade de verba para custear admissão ou contratação de contabilidade especializada.

Saiba mais sobre terceirização do financeiro ou contratação interna

Contabilidade Consultiva

BPO Financeiro é confiável

Que tal entrar em contato com a gente? A Equipe Previsa terá um imenso prazer em receber você e sua empresa. Ficamos te esperando!

Como trocar de contabilidade passo a passo

Sobre a PREVISA CONTABILIDADE

Criada há mais de 40 anos, a PREVISA CONTABILIDADE tem como objetivo assessorar os clientes em todas as áreas de seu negócio. Para tanto, a empresa atende segmentos específicos de mercado, além de negócios de diferentes tamanhos. Uma das características da Previsa é seu atendimento com excelência.

Fale com a Previsa

Entre em contato já! Podemos ajudar você hoje!

Solicite uma consultoria e descubra o caminho mais seguro, econômico e rápido para o que você precisa no momento:

www.previsa.com.br   +  31 3244-3100  WhatsApp: 31 99954-0537

 

 

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *