Capacidade produtiva: o que é e como calcular?

20 de maio de 2022 Capacidade Produtiva
Compartilhe

O cálculo da capacidade produtiva de uma empresa é a quantidade máxima de produtos que ela produz em um período, com base nos recursos que se encontram à disposição. Quer fazer uma gestão eficiente? Conheça a capacidade produtiva da sua empresa!

Uma análise dessa capacidade está relacionada com o potencial de geração de lucros do negócio. E informações como capital de giro e lucro presumido podem auxiliar nas tomadas de decisões.

Para entender melhor, continue a leitura!

O que é capacidade produtiva de uma empresa

A capacidade produtiva é a quantidade máxima de itens que a empresa é capaz de produzir em condições normais.

E sempre com os recursos disponíveis em um determinado período de tempo.

Entretanto, o ritmo de produção influencia diretamente no rendimento financeiro.

Que pode ser o grande determinante no planejamento geral, principalmente para a gestão de recursos e suas perspectivas de expansão. 

Conhecer e entender a capacidade produtiva da sua empresa se torna necessária para que as decisões sejam tomadas.

Para fazer essas boas decisões, é importante verificar entrada e saídas financeiras, a contabilidade de custos, fluxo de caixa, parcelamentos e etc. 

Como uma empresa pode aumentar a capacidade produtiva

Se a sua empresa apresenta uma demanda superior à produção, será necessário adquirir estratégias responsáveis por aumentar essa capacidade produtiva. 

Por exemplo, se você tem uma concessionária e quer expandir seus negócios e investir em serviços de consórcio online, você precisa se certificar de todos os pontos internos e externos.

Para fazer isso, as dicas são:

  • Melhorar os processos;
  • Atualizar as máquinas e equipamentos;
  • Criar novos turnos;
  • Expandir o seu negócio;
  • Oferecer treinamentos;
  • Manter os equipamentos sempre com a manutenção em dia.

Buscar aumentar a capacidade produtiva do seu negócio, é uma forma de promover gestões eficientes, e realizações de aplicações certeiras por parte dos investidores.

Como calcular a capacidade produtiva

Para determinar a capacidade máxima produtiva de uma empresa, é preciso dividir a capacidade disponível pelo potencial de saída.

Se uma empresa fabrica 100 cadeiras por dia, mas a produção real é de 75 cadeiras, a indústria está usando 75% da sua capacidade, por exemplo. 

Para calcular basta:

  • Obter a saída real de produção dos produtos ou serviços da empresa;
  • Descobrir qual é o potencial total de produção, ou saída de uma empresa;
  • Por fim, pegue o número e realize a operação: saída real / potencial de saída X 100

E esse cálculo pode inclusive ser terceirizado.

A seguir, conheça os modelos de capacidade produtiva:

#1 Capacidade instalada

A capacidade instalada pode ser definida como o nível de atividade produtiva dentro de uma empresa, tudo é baseado pelo potencial máximo de produção. 

A métrica é apresentada em porcentagem é utilizada como forma de avaliação sobre a capacidade de produção ser o suficiente. 

Medir esses dados, faz com que a empresa defina se está ou não produzindo a capacidade esperada de recursos.

#2 Capacidade disponível

Trata-se da quantidade máxima que um processo pode produzir durante a jornada de trabalho estabelecida. 

Não considera perda e representa a capacidade disponível subtraindo essas perdas de acordo com os ativos e insumos disponíveis. 

Nesse tipo de capacidade, as faltas ou paradas durante as operações não são consideradas.

#3 Capacidade efetiva

Também conhecida como capacidade produtiva efetiva, designa o nível de produção alcançado com base em toda capacidade disponível na empresa. 

São consideradas as perdas, paradas para manutenção e possíveis falhas. 

Quando o cálculo é feito, são considerados fatores previsíveis porém que possam ser controlados.

#4 Capacidade realizada

Consiste na capacidade efetiva, considerando perdas e paradas não previsíveis, assim como falta de energia ou equipamentos danificados, por exemplo. 

O cálculo para essa capacidade é realizado com base em estimativas, sempre levando em consideração as muitas possibilidades de ocorrerem interrupções durante o processo. 

Como aumentar a capacidade produtiva dos funcionários?

Tomar iniciativas de melhorias, é essencial para serem direcionadas a construção de um ambiente de trabalho saudável e produtivo.

Isso tudo de acordo com o desenvolvimento dos funcionários, o aumento da capacidade produtiva dessas pessoas, a atração e retenção de talentos e ainda uma liderança efetiva.

Algumas dicas podem fazer com que a capacidade produtiva dos seus funcionários aumentem. 

Além disso, aposte no follow up uma forma simples e completa de acompanhar a busca por informações. 

Vamos as dicas: 

  • Organize as rotinas e otimize os processos;
  • Defina metas individuais e coletivas;
  • Invista em comunicação interna;
  • Planeje treinamentos com foco no perfil individual;
  • Proponha desafios;
  • Cuide do ambiente de trabalho;
  • Forneça feedback;
  • Aposte em ações motivacionais e sistemas de recompensas;
  • Monitore todo o clima organizacional.

 

Incluir a capacidade produtiva durante as análises de tomadas de decisão, pode tornar o processo mais assertivo e gerar maior segurança durante longos prazos.

Sendo assim, agora que você já sabe analisar e conseguiu entender a importância da capacidade produtiva, utilize o conhecimento para aumentar suas chances de sucesso.

Gostou do artigo? 

Tem muito mais no blog da Previsa. Acesse!

Quer saber como legalizar a sua empresa?

Conheça nossos serviços e entre em contato. 

 

Banner Geral Orçamento
Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *