Como trazer os melhores funcionários para o meu restaurante?

13 de maio de 2019 Contabilidade para restaurantes

Como trazer os melhores funcionários para o meu restaurante?

Se você se identificou com a pergunta que está encabeçando o presente artigo, então, precisamos conversar. Aconchegue-se e leia com atenção: podemos ajudar você a montar a melhor equipe que um restaurante poderia sonhar em ter.

Preparado? Então, continue conosco! Vamos lá!

Para um atendimento nota 10 é preciso de pessoas nota 10

Abrir um restaurante, como já comentamos em outros artigos, não é tarefa fácil! .Você, mais do que ninguém, tem como afirmar todas as responsabilidades que implicam nessa decisão de ter seu próprio negócio do ramo alimentício ou de entretenimento.

Mas, para o ponto “referência” (e vinculando à ideia de “preferência”), você precisa dar uma atenção especial para a equipe de funcionários para o seu restaurante. Um atendimento bem treinado atrai visitantes tanto quanto o cardápio e o aconchego do ambiente. Pense com carinho em todos os bares, restaurantes e afins que você frequenta com frequência…um grande diferencial para que você permaneça um cliente fiel é o atendimento que te proporcionaram.

O atendimento que proporciona ao seu cliente é “a cara” do seu restaurante. Que “cara” você pretende deixar gravada na mente do seu cliente? Faça uma pesquisa junto aos seus funcionários, de todos os departamentos, peça para que descrevam como é trabalhar ali, os pontos vantajosos e a rotina em si. Diante disto analise, pontos positivos e negativos e sugira mudanças de rotas estratégicas e com boa comunicação, se necessário. Transforme o atendimento em uma experiência memorável.

Mas, qual a grande dificuldade que os outros restaurantes encontram na hora da contratação de um atendente nota 10?

Contratar uma equipe qualificada tende a ser um ponto muito frustrante para qualquer empreendedor. Descobrir a mina de ouro que é “como contratar empregados”, em um restaurante, pode ser ainda mais árduo. Em alguns estabelecimentos desse ramo, é constante a troca de equipe, o que leva a uma grande ineficiência dos (sempre) novos funcionários e outros problemas dentro do restaurante.

A questão mais comum (e mais tensa) é encontrar o funcionário certo (que vá de encontro com seus valores e com o que você idealiza para o seu negócio). Especialmente por ser um fator muito importante, acaba se tornando um dos pontos mais complexos. Saber qual o tipo de funcionário seu restaurante precisa é o cerne da questão. Que tipo de funcionário você deseja?

Em uma conversa relativamente curta, você deve conseguir identificar que aquela é a pessoa certa para integrar sua equipe dos sonhos e, caso você erre, durante um certo tempo, seu restaurante passará por algumas dificuldades. Então, faça perguntas para si mesmo como: como seria um bom chef para o meu restaurante? E para que ele fosse assim, o que ele precisa ter que seja indispensável? O que seria bom para um chef, por exemplo?  Anote e deixe como meta.

 

Para diminuir a rotatividade, técnicas de recrutamento e seleção vindas da área de Recursos Humanos

No que tange a questão de rotatividade de funcionários, é importante pensar que existe essa questão em todos os ramos. Como contabilidade para restaurantes experiente podemos afirmar, esse ponto pode ser um grande problema.

Um bom recrutamento diminui o “turnover“, e diminui prejuízos. Todas as partes de trabalho de seu restaurante podem ser prejudicados e ficar pressionados com a rotatividade. Além disso, qualquer empresário sabe que é deveras difícil “perder” um funcionário que já sabe todas as rotinas de seu restaurante e ter que o substituir por um novo. Técnicas de Recursos Humanos para recrutamento e seleção podem ser a solução no momento da sua empresa.

Para melhorar esta situação de sintonia entre propósito do profissional e a vontade de integrar de forma duradoura àquela equipe, existem técnicas de recursos humanos, ligadas à psicologia, que diminuem significativamente as chances de errar.

À princípio será preciso investir em um bom parceiro que ajude na parte técnica do recrutamento. Haverá um segundo momento em que será avaliada a parte técnica da função e a sintonia da Direção com o funcionário, daí é necessário  que o gestor conduza esta entrevista.

E para o seu restaurante? Quais funcionários você precisa?

Para que seu restaurante funcione de forma adequada, alguns funcionários são necessários. O número, de uma forma geral, acaba variando de acordo com o tamanho e tipo de restaurante (quanto maior for o seu restaurante, mais funcionários você precisará). Apesar disso, os “tipos” de empregados permanecerão os mesmos.

Ao conhecer os tipos de empregados e suas funções de trabalho, você pode configurar seu restaurante de uma maneira ainda mais eficiente. Confira:

Gerente: deverá ter um perfil adequado e formação para que o capacite a inspecionar a operação, suportando questões desde financeiras, a sanitárias, e mesmo de metas diárias, e, também assegurar que a qualidade da comida é consistente à “temática” de seu restaurante;

Chef: talvez, um dos pontos altos de seu restaurante, esse profissional deverá ter o perfil apropriado para cozinhar e manter o cardápio de acordo com a proposta de seu restaurante. Nos restaurantes mais finos, o chef normalmente tem mais deveres além de cozinhar, já que esses estabelecimentos têm muitos pratos que exigem ajudantes de cozinha adicionais, como um chef de massas e um sous chef (chef cuja posição é o segundo em comando). Ambos os restaurantes exigem funcionários de cozinha responsáveis por cortar os vegetais e preparar e embalar refeições para levar ou para entrega. Também são necessários lavadores de louça e cumins (auxiliares de garçom que recolhem os pratos sujos e limpam as mesas);

Garçons/atendentes: não importa se você tem um restaurante refinado ou um estabelecimento de fast food, de qualquer maneira a comida tem que ir da cozinha para o consumidor. Os funcionários para essa posição variam de acordo com o tipo de restaurante. Um garçom ou garçonete precisará anotar os pedidos e entregar os pratos de comida aos clientes em um restaurante que trabalhe com salão. Aqui, é importante lembrar que esse funcionário terá contato direto com seu cliente. Logo, ele precisa ser educado, cordial e ser “a cara” de seu estabelecimento;

Caixas e Recepcionistas: Em um restaurante, a conta pode ser paga na mesa ou no balcão, junto ao caixa. Por se tratar de pessoas com contato com o público, precisam ter perfil semelhante ao dos garçons.

Agora que você já sabe os funcionários que precisa, precisa compreender a forma ideal de “pesca-los” no mercado

Sem dúvida, é necessário traçar uma boa estratégia. Desenvolver e executar uma estratégia de contratação requer um investimento significante de tempo e energia, mas não seguir esse caminho vai te custar ainda mais caro durante o funcionamento do seu restaurante, em função da frequência de rotatividade, experiências negativas dos consumidores e inconsistência na marca do seu estabelecimento.

Antes de mais nada, estabeleça quais os principais valores que seus empregados precisam – isso ajudará (e muito) no momento em que precisar analisar todos os candidatos.

Além disso, faça uma lista de perguntas relevantes, com intuito de verificar se cada candidato que surgir (independente do cargo a ocupar) divide contigo a mesma visão e os mesmos valores (além de captar adequadamente o passado profissional do candidato). Essa prática também garante que os gerentes estejam totalmente de acordo quanto a um potencial candidato, de forma que nenhum membro de funcionários seja contratado porque algum dos gerentes apadrinhou algum deles.

Divulgue ao mercado sua cultura, atraia quem possui sintonia

É preciso ter em mente os valores , a postura e a cultura do seu Restaurante ao mercado. Isto atrairá tanto clientes como funcionários. Nas redes sociais é comum divulgar pratos, novidades e infra-estrutura. Que tal divulgar como seus colaboradores convivem, como são bem tratados, como são treinados, como se transformam em pessoas melhores ao trabalhar na sua empresa?

Para isto é preciso ter claro os valores e a cara de seu restaurante. É um momento muito propício para mostrar isto para o mundo. Nada melhor do que uma boa comunicação para ajudar nessa tarefa.

Transformar a sua imagem em uma marca amada, defendida, admirada e amada. Tenha um profissional de marketing para fazer isto profissionalmente.  Uma marca de valor é defendida pelo colaborador e vendida pelo cliente, pense nisto!

Conclusão

É importante ter em mente o seguinte: ser bem-sucedido dependerá, também, de ter as pessoas certas por perto. Essa é a pura verdade. Faça com que sua equipe seja um dos seus maiores triunfos. Um boa contabilidade para restaurante pode te ajudar nesta tarefa! Esperamos já ter ajudado de qualquer forma. Até a próxima!

Leia também:

8 passos para começar seu restaurante de sucesso
Preciso mesmo contratar um contador para começar meu restaurante?
Contabilidade para Restaurantes – E agora?

 

Fale com a Previsa

Entre em contato já! Podemos ajudar você hoje!

Solicite uma consultoria e descubra o caminho mais seguro, econômico e rápido para o que você precisa no momento:

www.previsa.com.br   +  31 3244-3100  Whatsapp: + 31 99967-7662

 

Solicite um orçamento

Se tiver alguma dúvida, deixe aqui o seu comentário ou entre em contato conosco por meio do site: http://previsa.com.br/contato

Siga-nos também nas redes sociais e inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do universo da contabilidade.

Facebook: https://www.facebook.com/previsacontabilidade
Twitter: https://twitter.com/previsa
Youtube – Descomplica Previsa: https://goo.gl/zepzly
Blog: http://previsa.co

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *